Remixaram o brega

Dia desses (mentira, já faz um tempo, é que eu nunca mais me dignei a escrever, culpa da queda de audiência por aqui – agora eu sei como a Globo se sente) a Dani Suzuki fez uma matéria sobre a tribo do brega. E eu fiquei bege de saber que existem subgêneros do brega.

Na verdade, o “termo técnico” é aparelhagem, que é um brega dominado por DJ’s, com super ultra mega mesas de edição em que eles remixam clássicos da MBB (Música Brega Brasileira). É um negócio super profissional.

Pois pasmem vocês de saber que existem vários gêneros: o Brega Pop, o Brega Hardcore, o Tecno Brega, o Brega Melody (esse é campeão disparado pra mim) e vários outros que não consegui pegar.

E pra quebrar paradigmas e causar frisson, essa matéria foi feita no Pará. Pois é, nem só de Calypso vive o Pará. Se bem que muita gente vai dizer que Calypso é brega, mas garanto que foi tudo tratado como gêneros distintos.

Vivendo e aprendendo. Joelma que o diga!

[ página principal ] [ ver mensagens anteriores ]



Meu Perfil
BRASIL , Sudeste , RIO DE JANEIRO , Homem , de 26 a 35 anos , Portuguese , English , Música , Informática e Internet , Cinema, Vídeo, Livros, Quadrinhos

 
Visitante número: